Postado dia

E ae pessoas! Há um tempo atrás, desenvolvi uma série de livros para um cliente na agência aonde trabalho. O livro seria encadernado usando o tipo brochura. Porém, naquela altura, eu não sabia como gerar o PDF para brochura. Então investiguei e descobri como.

Aproveitando este espaço, decidi criar este tutorial de como gerar o seu PDF para brochura. Neste tutorial vou usar um template do site StockInDesign. Partiu!

1. Instale o PPD

Antes de começar, certifique-se que você tenha um PPD instalado. Normalmente, já vem com os programas, mas se não tiver, ou não souber se tem, é melhor instalar.

PPD significa PostScript Printer Description, e é como uma extensão das configurações da sua impressora PostScript, personalizando o driver e permitindo obter informações como dispositivo de saída, podendo por exemplo, personalizar o tamanho das páginas a serem impressas, arrumar a saída de cores, etc.

Para instalar o PPD, clique aqui para baixar (o link é do site da Adobe). Depois, extraia o arquivo ADPDF9.PPD e depois acesse o HD do seu computador aonde está instalado os programas da Adobe e acesse o diretório \Program Files\Adobe\Adobe InDesign CC 2018\Presets no seu computador. Se estiver usando um Mac, vá em /Applications/Adobe Indesign CC 2018/Presets/.

Nesta pasta, verifique se tem uma pasta chamada “PPDs”. Se não tiver, crie. Dentro dessa pasta, você deve deixar o PPD que você baixou.

Depois disso, abra seu trabalho no InDesign.

2. Imprima seu trabalho

InDesign aberto, mãos a obra!

InDesign aberto, mãos a obra!

Antes de começarmos, verifique se não faltou fazer algo, como analisar se todas as imagens e textos estão Ok, se precisa converter as fontes do seu arquivo para curva (se a fonte não permitir ser incorporada em PDF, você vai precisar fazer isso), entre outros detalhes.

Quando estiver pronto, vá em Arquivo > Imprimir Livreto… para abrir a janela de configurações do imprimir.

Janela "Imprimir Livreto"

Aqui, verifique se o tipo de livreto está definido como “2 páginas combinadas – grampeadas no centro”. Se for usar sangria e marcas de corte, deixe a opção “Ajustar automaticamente marcas e sangrias” marcada para que ela puxe as sangrias que você definiu no seu trabalho. Depois clique em “Visualizar” no menu da esquerda.

Pré-visualização do livreto

Aqui, você pode navegar pelas páginas para pré-visualizar o trabalho, podendo saber qual página ficará aonde no PDF. No meu exemplo, o tamanho final de cada página do PDF está desconfigurado. Terei que arrumar. Independente disso, clique em “Configurações de impressão…”

Janela "Imprimir"

Nesta parte, vamos mudar a impressora. Clique em “Impressora” e mude a impressora para “Adobe PostScript®”. O parte “PPD” ficará disponível. No CC 2018, por padrão, já vem um PPD chamado “Acrobat PDF”. Se não tiver, sem problemas, pois se você instalou o PPD do passo 1, vai aparecer a opção “Adobe PDF 9.0”. Selecione-a.

Caso precisar configurar o tamanho final das páginas do PDF, clique em “Configuração” no menu da esquerda. No meu caso, vou ter que mudar a largura e altura. Se você precisar, lembre-se que para brochura com sangria, você precisa definir a largura igual a largura de duas páginas lado a lado mais a sangria à esquerda e à direita. E a altura tem que somar com a sangria de cima e de baixo.

Depois vá em “Marcas e sangria” e caso for usar sangria, recomendo deixar marcado as opções “Marcas de corte” e “Marcas de sangria”, e na parte “Sangria e espaçador”, deixe marcado a opção “Usar configurações de sangria do documento”.

Depois vá em “Saída” e verifique se a cor de saída está como “CMYK composto”. Depois clique em “OK” e de volta à janela anterior, vá em “Visualizar” novamente para ver se as páginas estão OK. Tudo definido, clique em “Imprimir” e uma janela de salvar arquivo PostScript irá abrir.

Selecione aonde quer salvar o arquivo e confirme.

3. Converta seu PostScript

Agora precisamos converter o arquivo gerado para PDF. Para isso, abra o Adobe Acrobat DC e vá em Arquivo > Criar > PDF de arquivo… (ou aperte Ctrl + N no Windows, ou Command + N no Mac). Selecione o seu arquivo PostScript.

O Acrobat irá abrir o Acrobat Distiller, e irá converter o PostScript para PDF. Ao terminar, ele vai abrir o PDF no Acrobat.

PDF convertido no Acrobat usando o Acrobat Distiller

Verifique se está tudo bem e se estiver, salve o PDF. E pronto!

Espero ter te ajudado!

Manda sua palavra ae! Deixe um comentário:

Comentários deste povo lindo!

  1. ENÉAS  |   |  Responder

    Pelo amor! Perfeito! Muito bom. Um grande abraço!

    • Diego Alencar  |   |  Responder

      Obrigado!! Fico feliz que este post tenha sido útil para você!